Sobre o conteúdo do meu Moleskine

Aqui tem de tudo, é um moleskine mesmo. A diferença é que ele vai no meu bolso e no seu também, pois você pode comentar à vontade.


Obrigado pela visita e um abraço!



Honda

Não é à toa que Honda vende igual a pão quente: automático, ar ligado, carro cheio, rodei 308km, a maioria em estrada mantendo 110Km/h. Cheguei no posto para completar, 17Km/l.


Stingray

Não é todo dia que a gente vê uma tão alinhada quanto esta...










Igreja de São Pedro - Rio de Janeiro

Hoje é dia da Festa de São Pedro aqui no Rio Comprido. Como eu trabalho aqui pertinho, não tive dúvidas, fui almoçar lá, já que além do Santo, rola umas barraquinhas de comída típica (de festa junina).

Muito linda!









Olha a força dessa imagem...





















Porta de mandeira pesadíssima, toda trabalhada.










As barraquinhas. Mandei um hot-dog!


Igreja de São Francisco - Salvador BA

Se você curte igreja, sirva-se! Você está diante de uma magnífica expressão do Barroco Português. Clique nas imagens para vê-las em tamanho grande.

Visão das naves e do altar ao fundo, a partir da entrada principal.


Visão da nave central e da entrada principal a partir do altar.


Olha esse teto!!



Decoração exuberante. Está sem palavras??? rs



O altar.



Essa Igreja é riquíssima em ouro e jacarandá. Sua origem data de 1686 e a obra foi finalizada 1723. Imperdível para quem visita Salvador.

Maveko V8 1974

Época boa. Rodei muito com esse carro, era muito gostoso na estrada. Meus filhos tem saudade até hoje, e olha que eles eram bem pequenos...


Pintura original de fábrica, vermelho Cádmium.


Placa 1974. Saudade dele na garagem da casa de São Francisco.

Pedro do Bar Botafogo

Essa é uma homenagem ao meu saudoso amigo Pedro, do Bar Botafogo, em frente ao Estádio Caio Martins em Niterói-RJ. Que saudade dos causos contados por você, meu amigão!

Ao fundo, Macalé, grande braço direito do Pedro e do Lu, seu irmão.



Era um sacana. Você até podia chegar meio "down" no Bar do Pedro, mas sair triste, jamais.

Opala 1976


É, eu tenho alguma coisa com carros vermelhos. Fazer o quê?


Paradinho na porta da casa da minha Santa Mãezinha, numa das viagens que fizemos até Volta Redonda.


A Luiza, minha filha, amava esse carro.


Eu quase coloquei um teto de vinyl preto nele.


Nessa foto ele já estava mais elegante, pois ganhou um jogo de sobre aros originais GM, coisa rara.

Formula Truck - Jacarepagua

Acho que assistimos a última corrida de F-Truck aqui no Rio. Não sei se teremos autódromo em 2012. (Snif)

Eu e meu filhão antes da corrida. Tempo esquisitão, ameaçando chuva.


Bob, amigão de Ciro, curtindo os caminhões acelerando forte.


Tudo personalizado, infraestrutura muito organizada.




Hora do alinhamento para a largada.


Pace Truck já fora, caminhões alinhados rumo a Curva da Vitória, vai ser dada a largada.


Eis o grande momento!


Foguetório tradicional do evento. Faz barulho.


O primeiro susto foi meu. Cadê o barulho?? Nada!!! Os caminhões adotaram um abafador gigantesco que calou a boca do motorzão, ouve-se muito bem as turbinas agora.


Apesar do chuvisco, sem grandes rodadas, o pessoal começou cauteloso.


Os caminhões são lindos e rápidos!


Este está muito bonito.






Os dois caminhões do Flamengo quebrados no box da equipe. Praga de vascaíno?



Esse laranjinha não andou bem, mas foi o que mais gostei de ver na pista, muito bonito.


Músculos de fora.


Um dos poucos momentos em que o sol conseguiu furar as nuvens...


Esse fez a alegria da galera, era o único sem o tal abafador, cano direto e barulho muito alto. Achei estranho um só caminhão não possuir abafador.


O laranjinha novamente...





O Ciro, meu filho, gostou mais deste, que por sinal, participou da dobradinha da vitória. MB na cabeça com Geraldo Piquet.


Uma última vez o laranjinha...



Uma última vez o "barulhento".



Repare que não tem abafador, cano direto!


Última volta.